MATÉRIA

Alimentação Escolar Especial

alimentação[1]O projeto de Lei 855/2014 do Vereador Alexandre Isquierdo, propõe que as Unidades Municipais de Educação, deverão oferecer alimentação escolar adequada aos alunos portadores de condições de saúde específica.

A finalidade do projeto é beneficiar estudantes que tiverem restrição alimentar, como os portadores de diabetes, alergias, obesos, e os alunos que necessitam de reforço alimentar. O responsável pelo aluno deverá apresentar receituário, laudo ou declaração que comprove a restrição. O cardápio será elaborado com base em orientações médicas e nutricionais, e aos nutricionistas caberá a supervisão do uso dos alimentos nas unidades escolares.

Assessoria de Comunicação